sexta-feira, 17 de julho de 2015

Após rompimento, Planalto espera imparcialidade


Foto: Roberto Stuckert Filho/ dilma PR--
d’O Globo:
Alvo de duras críticas do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), o Palácio do Planalto reagiu nesta sexta-feira à decisão do deputado de romper com o governo. Em nota, a Presidência da República ressalta a importância do PMDB, considera a atitude de Cunha “pessoal” e diz esperar que a mudança de posição “não se reflita nas decisões e nas ações da presidência da Câmara que devem ser pautados pela imparcialidade e pela impessoalidade”.